quinta-feira, 30 de junho de 2016

PREFEITO DEVERIA FECHAR SEU PERÍODO EM GRANDE ESTILO - POR CARLOS FERRAZ


(foto: Renato Ferraz)

Diante a crise que avança cada vez mais, sem muitas perspectivas  de melhoria e positivas chances de saneamento tão cedo, principalmente depois do anunciado rombo de quase 200 bilhões deixados como herança maldita pelo governo anterior petista, o prefeito Luciano Fernando de Souza, popular "Luciano Bonfim" deve atentar  mais que nunca, sobre  a necessidade de esquecer gastos exorbitantes destinados a campanha eleitoral que se avizinha, não utilizando a máquina administrativa, como sempre fizeram, sob risco de quebrar o erário público.

Atitude correta seria assumir postura de magistrado, colocando o o Município a serviço do povo e não em prol do enriquecimento dos vigaristas políticos que sobrevivem dessa prática nociva, negociando  apoio e votos dos incautos eleitores. Faz bastante tempo, que a maioria do leitorado triunfense - antes considerado de nível consciente  -  resolveu provar não ser esclarecido, abraçando essas mazelas. Inclusive,  admitidas como fatores normais e consideradas imprescindíveis para o sucesso eleitoral, por pseudo-oposicionistas atuais. 

Caberia ao mesmo, imprimir o processo de transformação munido de uma agenda de reformas circunstanciais, saindo do mero assistencialismo e surgindo sob outra forma de gestão, para que cumpra o seu papel no breve tempo que dispõe de administração. Talvez essa seja a melhor maneira de desarmar os ânimos exaltados que geralmente surgem no período eleitoral, transformando debate político em discussão sem qualquer consenso. Espera-se que o prefeito seja capaz de quebrar essa intolerância que vem dominando a negativa vida política de Triunfo.



Por: Carlos Ferraz
        Editor/ Triunfo - PE

quarta-feira, 29 de junho de 2016

DE FORMA INTIMISTA, A AMIGA ELIANA VIANA RECEBE TRIUNFENSES PARA COMEMORAR O SÃO JOÃO













OPERAÇÃO "RESPEITA JANUÁRIO" É DEFLAGADA EM CIDADES DO SERTÃO



Foi deflagrada na manhã desta terça-feira (28), nas cidades de Exu e Moreilândia, no Sertão de Pernambuco e em João Pessoa, na Paraíba, a 'Operação Respeita Januário'. O objetivo é cumprir mandados de prisão, busca e apreensão e Sequestro de Bens contra integrantes de uma organização criminosa responsável pela prática de homicídios, assaltos e tráfico de drogas.
A operação está sendo realizadas pela 202ª Circunscrição Policial da cidade de Exu, pertencente a 24ª Delegacia Seccional de Araripina. Participam da ação policial 70 policiais civis, entre delegados, agentes e escrivães e 100 policiais militares, com a utilização de cães farejadores.
Durante a 'Operação Respeita Januário' foram cumpridos 12 mandados de Prisão Preventiva, 32 mandados de Busca e Apreensão Domiciliar e um mandado de Sequestro de Bens contra integrantes de um grupo criminoso responsável pela prática de homicídios e tráfico de drogas.
“Já temos 12 pessoas presas. Foram apreendidas também três motos utilizadas em assaltos e uma quantidade de drogas, mas ainda não é possível dizer quanto porque o material não chegou na delegacia”, ressaltou o delegado Lamartine Lacerda.
Os presos e os materiais apreendidos foram encaminhados para a 24ª Delegacia Seccional em Araripina.
As medidas cautelares foram expedidas pelo Juiz de Direito, Rodrigo Fonseca Lins de Oliveira, da Vara Única da Comarca de Exu, em atendimento às representações da polícia Civil de Pernambuco.
De acordo com o delegado, o grupo era investigado há meses. “A delegada Lívia, titular de Exu, vinha investigando o grupo há mais de três meses. Ela estava trabalhando em cima dessas pessoas. E, seguindo o rastro de um homicídio, conseguiu desvendar os assaltos praticados pelos criminosos. Dentro do assalto ela viu que eles também praticavam o crime de tráfico de drogas”, disse.
Lamartine explicou ainda que entre os motivos dos homicídios iam desde rixas entre integrantes do próprio grupo, como também envolvendo dívidas de tráfico de drogas. “Eles reinvestiam o dinheiro dos assaltos em tráfico de drogas. E como surgiam problemas, como disputas internas por dinheiro ou pontos, eles cometiam homicídios entre eles", detalhou.
Segundo a assesoria de comunicação da Polícia Civil, em João Pessoa, na Paraíba, foram presas duas pessoas envolvidas na 'Operação Respeita Januário'.
O delegado Lamartine Lacerda disse ainda que os presos serão conduzidos para a cadeia Pública de Exu e Moreilândia.
Fonte: G1

CARTA À REDAÇÃO - POR TARCÍSIO PÁDUA




Oi Carlos, 

Sou Tarcísio Pádua, nascido em Triunfo, 1952. Tomei conhecimento do seu excelente blog e gostaria de mantermos contato. Só consegui acessar seu perfil. Vou sempre acessar o blog para matar um pouco a saudade da cidade em que nasci e que deixei ainda criança.


Aqui mantenho o aliastpadua.com.br, caso tenha interesse dê uma olhada. Gostaria de informe sobre o Festival de Cinema de Triunfo que sempre planejo ir conhecer e nunca o fiz, quem sabe será agora. 

Grande abraço e saudações triunfenses.

Tarcísio Pádua
 Brasília - DF

VISTORIADO O PATRIMÔNIO DE JARDINS MUNICIPAIS - CARLOS FERRAZ





Tem-se com a devida cooperação de moradores procurado fazer aos poucos um minucioso levantamento da situação dos vários jardins públicos existentes na sede (Triunfo) e distritos ( Vila Canaã e Vila Jericó ), além dos dois portais  situados via os municípios circunvizinhos de  Santa Cruz da Baixa Verde/Serra Talhada e Flores/Calumbi,  no intuito de repassar à Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente e Secretaria de Obras e Orçamento, visando recuperação e melhoramento futuro realizado com planejamento exato  sob orientação da Prefeitura Municipal de Triunfo.

Defende-se na ocasião serem plantadas espécies de mudas resistentes, porque várias das mudas plantadas, morreram com a seca que vem assolando a região nesses seis anos e, também a ausência de assistência recebida no tocante ao precioso líquido distribuído pelos carros-pipa e outras retiradas arbitrariamente pelos impunes vândalos. Afinal de contas, tem vida: nascem, crescem e morrem, principalmente se não tratadas bem. Sabe-se que a manutenção não é coisa simples e o poder público, talvez não possua métodos e pessoal especializado ao serviço pelo menos três vezes por semana no período de estiagem e verão.



Por: Carlos Ferraz
         Editor/ Triunfo - PE

ENCERRANDO O CICLO JUNINO - DIA DE SÃO PEDRO - 29 DE JUNHO



Dia 29 de junho é Dia de São Pedro e Dia de São Paulo.  É uma festa celebrada pela Igreja Católica em honra ao martírio em Roma dos Apóstolos São Pedro e São Paulo. A data em homenagem a São Pedro é umas das festas mais comemorados entre as festas Juninas com muitos arraias, quermesses e fogueiras pelo Brasil, tal como o Dia de São João.

HISTÓRIA DO PESCADOR SIMÃO (SÃO PEDRO)

O dia de São Pedro é comemorado em 29 de junho. Segundo a bíblia sagrada, antes de ser batizado, Pedro se chamava Simão e trabalhava como pescador.
Na igreja católica, no dia de São Pedro é feita uma comemoração com uma grande festa junina. Nesta acontecem várias queimas de fogos com danças e muitas comidas típicas.

São Pedro é considerado o mais sério dos três santos juninos. Dizem que santo Antônio é o santo casamenteiro, mas é no dia de São Pedro que se escolhe o melhor pretendente.
Origem do Dia de São Pedro e São Paulo
A celebração tem origem muito antiga, e ocorre no dia 29 de junho pois é a data do aniversário da morte e do translado das relíquias dos santos.
Dia 29 de junho também é celebrado o dia do Papa em razão de São Pedro ser considerado pelos católicos como o primeiro Papa, e também o que ficou mais tempo no Papado, por 37 anos

terça-feira, 28 de junho de 2016

EXPECTATIVA PARA MELHORIA E RETORNO DAS FEIRAS LIVRE - POR CARLOS FERRAZ












Puxando-se pela memória comparativa relacionando o passado e presente, chega-se a descobrir que até o final dos anos 1980, a movimentada 'Feira-Livre de Triunfo' era bastante conhecida  nas diversas regiões e municípios circunvizinhos, como das mais procuradas do Interior de Pernambuco, quando também era acomodada em outros espaços urbanos centrais. Conseguindo atrair abismados olhares das centenas de frequentadores, moradores, visitantes e turistas, com envolvimento direto no contexto da comunidade triunfense, sempre hospitaleira. Nunca do o pessoal desabrigado nos momentos de chuva ou de sol,  oferecendo lugar sob as  tendas

Eles chegavam ainda ao amanhecer e não se cansavam de abertamente promover a excelente organização visual, razoáveis preços promocionais, grande variedade de produtos à venda, melhores condições de higiene e limpeza, além da satisfatória mobilidade e também melhor acomodação de alimentos expostos em cadastradas bancas, alinhadas nas laterais do espaço previamente estudado e liberado pelo órgão correspondente.Tem-se que priorizar o trabalho na única restante, devido tratar-se de  ambiente coletivo que faz parte da dinâmica da cidade. E principalmente quando concluída a sonhada reformulação do Mercado Público, defendida há décadas também para lazer ,

Naquela época a área destinada ao comercio aberto ocupava  cerca de 500 metros quadrados, envolvendo as seguintes artérias: Praça 15 de Novembro, Praça Monsenhor Eliseu Leal Diniz, Praça da Bandeira e Praça Irmã Jerônima Zier; Rua Tenente Siqueira Campos, Rua Olímpio Wanderley, Rua Coronel Manoel Siqueira Campos e Travessa da Vitória, Travessa Simões Mafra e  Travessa João Capité, situadas no raio de distância próximo No entanto, houve uma sequência complicada de desgastes, contribuindo por reduzir público e dimensão, sem proporcionar qualquer conforto na locomoção. E ausência da negociação que existia na troca e venda de caprinos,equinos, bovinos, suínos, aves, alevinos. 

Existia no passado , nessa localidade denominada "Oásis do Sertão", outras feiras-livres: na quarta-feira - Praça da Matriz ou Praça 15 de Novembro, acomodando número inferior de tabuleiros que deixavam de ocupar as ruas e calçadas do setor, não comparada à tradicional, realizada no sábado das 4h a16 h. Nos domingo pela manhã, nas vilas Canaã e Jericó. Vale permanecer na expectativa por mudanças, enxergando vantagens estruturais, tipo: mudança da data e local, que enfrentarão resistências corporativistas.Tudo pode acontecer, depois de análise minuciosa da conjuntura. Urge processo de requalificação para atrair freguesia. Quem sabe?




Por: Carlos Ferraz
         Editor/ Triunfo - PE

OUTROS BURACOS NA CIDADE PRECISAM SER CONSERTADOS - POR CARLOS FERRAZ








Notadamente de algum tempo para cá o Sítio Histórico da Cidade de Triunfo, apesar dos inquestionáveis atrativos turísticos e de paisagem belíssima única, na Região do Pajeú, devido as crateras surgidas nas artérias urbanas tem retirado a paciência de motoristas e pedestres, apresentando crescentes problemas viários na área mais antiga do "Oásis do Sertão". Em alguns trechos, seja pela ação do trânsito intenso ou descuido administrativo, pedras estão se soltando e afundando, causando desníveis, exemplo da falta de cuidado da desatenta fiscalização. 

Mas as pessoas necessitam se conscientizar  de que calçamento não é asfalto, que se faz num dia e está pronto no outro. É paralelepípedo, não podendo ser trocado por asfalto, até por questão de preservação e patrimônio. Com esse caos, como é  que fica a situação do  turismo. Torna-se constrangedor trazer alguém de fora para se deparar com isso.Algo deve ser feito.Na Avenida Getúlio Vargas é onde os casos são mais visíveis e representam problemas também para  os pedestres. 

Vários moradores reclamam da espera por uma solução, que demora e se traduz em verdadeiros transtornos à mobilidade. A Prefeitura Municipal alega que as poucas chuvas caídas afetaram alguns pontos e que vêm recebendo reparos - só que a ação não está ocorrendo com a devida rapidez que a população deseja tem dependido de cronogramas e intervenções específicas, cientificando que vários setores apontados foram solucionados recentemente pela Secretaria de Obras.  



Por: Carlos Ferraz
        Editor/ Triunfo - PE

COMUNICAMOS O FALECIMENTO DE JUVENAL VIEIRA NETO





Cumprimos a árdua tarefa de repassar a todos leitores o lamentável falecimento do nosso conterrâneo,Juvenal Neto, 52 anos, ocorrido no dia 26/06/2016 (domingo), em Porto Velho - RO, onde residia. 
Juvenal Neto, filho de Sr.Júlio Vieira Melo e Dona Júlia Melo,  formou -se pela Fundação da Universidade Federal de Rondônia. Professor de Geografia, na Cleiton Professor Carmela Dutra, Técnico da Polícia Civil de Rondônia. Morreu repentinamente para surpresa de seus familiares e muitos amigos.

* 12 de Outubro de 1964
26 de Junho de 2016

Que Deus na sua infinita bondade lhe restitua na outra vida o muito que fez de positivo pelos semelhantes. Descansa em paz! Nossas condolências a família enlutada, neste momento de dor e saudades, que a Misericórdia Divina lhe conforte na fé e na esperança da ressurreição.

Nossas condolências aos familiares , parentes e amigos

Carlos Ferraz
 Triunfo - PE




Ao amigo Juvenal Neto

É assim que vamos lembrar de você, sempre alegre, sorrindo e jamais reclamando de qualquer coisa da vida... Uma grande pessoa que tive o prazer de conhecer e viver nesta vida, e aprender muito com você.! Vá em paz e com Deus! MORAL FORTE como você falava!!!


Rafael Albuquerque  - Porto Velho/Ro

TRIUNFO SE REVESTE DE BRANCA NEVOA NO INVERNO ... É LINDO DE VER !

Quem chega em Triunfo-PE, região do Pajeú, em qualquer época do ano, logo sente a limpidez do ar naquele clima gostoso, encontra a majestosa imponência das árvores, o canto do pássaros, a arquitetura neo-clássica diferenciada, o cheiro da mata nativa e das flores que enfeitam suas praças e ruas, a beleza das paisagens, o jeito acolhedor de sua gente e tudo mais referente a um lugar especial intitulado "Oásis do Sertão". 


Venha conhecer esse paraíso Nordestino... 










Click na setinha ao centro da imagem  e ouça com muitas recordações e saudades, a música " Noites Frias de Junho" - 

Homenagem ao Compositor.  (Braguinha): a mais um grande nome da nossa MPB.Que mostra a importância do balão junino para a cultura popular.

NOSSOS LEITORES PELO MUNDO!