quarta-feira, 1 de outubro de 2014

DIA DO IDOSO: HOMENAGEM AO GERIATRA ALEXANDRE MATTOS - EXEMPLO DEDICAÇÃO E COMPETÊNCIA

Geriatra Dr. Alexandre Mattos
Meus queridos pais em jantar agradável no Terraço Itália - São Paulo

Proferindo palestra sobre ENVELHECIMENTO BEM SUCEDIDO, a convite da amiga e anfitriã Vilma Guimarães, a pessoa que trouxe nossa Mariana ao mundo, e um seleto grupo de competentes ginecologistas pernambucanos. Momento de rever grandes amigos, como Petrus Dornelas, o paraninfo da minha turma de medicina. Uma noite de ciência e socialização da GERIATRIA com a GINECOLOGIA.

 
 


ESTUDAR NÃO TEM IDADE:
 E hoje fiquei radiante de felicidade ao receber uma notícia da minha paciente, em uma consulta geriátrica de rotina. D. Dorothy, 82 anos, após superar problemas de saúde, me comunicou que superou muito mais do que algumas limitações referentes às comorbidades. Ela conseguiu ir muito além!! Aprovada em vestibular para o curso de direito aos 82 anos de idade, está cursando direito com entusiasmo e projetos de vida. Parabéns, minha querida D. Dorothy. Você prova que idade avançada e morbidades crônicas não são empecilhos para quem deseja "voar"!


Com minha paciente, D. Maria José do Nascimento, que comemorou seus 94 anos na semana passada, comigo, no IMEDI. Grato pela foto, Sra. Maria José e filhas.



"Sinto-me nascido a cada momento, para a eterna novidade do mundo..." (FERNANDO PESSOA
)




ORGANIZAÇÃO INTERNACIONAL DO TRABALHO: METADE DOS IDOSOS NO MUNDO NÃO RECEBEM APOSENTADORIA


O abrigo de idosos Morada para Jovens da Terceira Idade Nosso Rancho é interditado pela policia em Águas Lindas de Goiás (Valter Campanato/Agência Brasil)

Pelo menos 48% das pessoas em todo o mundo, com idade para se aposentar, não recebem nenhum tipo de benefício, enquanto os 52% que têm acesso a algum provento não recebem o valor adequado. É o que indica o estudo divulgado, hoje (1º), pela Organização Internacional do Trabalho (OIT), em razão do Dia do Idoso.

No Brasil, os dados indicam que 86,3% das pessoas com idade para se aposentar recebem algum tipo de benefício. Os idosos no país somam 26,3 milhões de pessoas, segundo a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O número representa 13% da população. A expectativa é que esse percentual aumente e que, em 2060, chegue a 34%, segundo previsão do IBGE.

A instituição alerta que a maior parte dos homens e mulheres idosos, em todo o planeta, não têm renda garantida ou direito à aposentadoria e precisa continuar trabalhando como pode, geralmente recebendo pouco e em situações precárias. Setecentos milhões de pessoas no mundo têm 60 anos de idade ou mais e o número pode dobrar até 2030, segundo dados das Nações Unidas.

O estudo mostra que, nos últimos anos, muitos países de média e baixa renda expandiram consideravelmente a cobertura previdenciária com a concessão de pensões sociais financiadas por impostos. O levantamento foi feito em 178 países e aponta que mais de 45 deles alcançaram cobertura previdenciária de 90%, enquanto mais de 20 países, considerados em desenvolvimento, alcançaram ou estão perto da cobertura previdenciária universal.

Os avanços mais expressivos, segundo a pesquisa, ocorreram em países como China, Tailândia, Timor Leste e Tunísia, onde a cobertura previdenciária passou de cerca de 25% para mais de 70% em apenas uma década. “Pensões financiadas por impostos têm um papel importante na expansão da cobertura previdenciária, já que garantem um nível básico de proteção para os que não recebem pensão por tempo de contribuição”, informou a OIT.

A entidade destaca, entretanto, que, tão importante quanto expandir a cobertura previdenciária é o pagamento adequado de benefícios, uma vez que homens e mulheres idosos têm o direito de se aposentar com dignidade.


Fonte: Agência Brasil

COMEMORAÇÃO DO 1º DE OUTUBRO - DIA INTERNACIONAL DO IDOSO

Foto do Geriatra Dr. Alexandre Mattos, do IMEDI-Instituto de Medicina do Idoso.
 "O mundo está pronto para os jovens, porque existiram outros jovens que hoje estão em outra fase da vida, a velhice. E ela uma dia nos terá" 1º de outubro é o Dia Internacional do Idoso. É importante ressaltar que o idoso tem um papel importante em todas as sociedades. Eles são líderes,trabalhadores,aposentados, detentores de sabedoria, avós, cuidadores e voluntários.
O número e a proporção de idosos cresce rapidamente. Nas últimas três décadas, o número dobrou. Em 2050, a população mundial de pessoas com idade superior a 60 anos chegará a um total de dois bilhões, o que significará uma importante mudança no perfil demográfico do mundo, com consequências para todos.

Trata-se de um fenômeno extraordinário com consequências para cada comunidade, cada instituição e cada pessoa, jovem ou velha. Com o aumento da população idosa, multiplicam-se os desafios, tais como: acesso à educação; desfrutar de uma boa longevidade e boa saúde física e mental; participação ativa dos idosos na sociedade; combate ao abuso, à negligência, violência e maus tratos, combate à falta de respeito e discriminação de que são vítimas os idosos; inserção do idoso no mercado de trabalho, etc...

A ONU – Organização das Nações Unidas – vem lutando pelos direitos e bem-estar das pessoas idosas com umPlano de Ação sobre o Envelhecimento. Este ano a ONU celebra as conquistas do Desenvolvimento do Milênio, um plano básico para melhorar as vidas das pessoas que tem como objetivo maior o bem-estar da população idosa em todo o mundo. Em muitos países, os idosos têm se beneficiado de menores taxas de pobreza e de fome, maior acesso a medicamentos e serviços de saúde e de ensino superior e oportunidades de emprego.

No entanto, o progresso tem sido irregular com relação ao Plano Básico do Desenvolvimento do Milênio em todos os países e regiões. Por exemplo, nos países em que as pessoas idosas são mais afetadas pelo HIV são os avós que têm de lidar com o cuidado de seus netos órfãos. Já na África, 20% das mulheres rurais com mais de 60 anos são as únicas fornecedoras para seus netos. Essas pessoas que assumem outras responsabilidades, além de terem de cuidar de sua própria saúde, muitas vezes por motivos não normativos, ou seja de forma não prevista, inesperada e geralmente sem muitos recursos e apoio, quanto muito contando com suas pensões, conseguem pelo menos a mera sobrevivência. 

Quanto à inserção do idoso no mercado de trabalho, a ONU propõe uma mudança de paradigma para resolver o grave problema de envelhecimento da população e evitar a quebra dos sistemas de previdência nos países mais pobres. Essa recomendação consta no Plano de Ação Internacional, aprovado pela ONU durante uma conferência que discutiu exclusivamente os problemas relacionados aos idosos do mundo. O plano estabelece a necessidade de promover uma abordagem positiva do envelhecimento e de superar os estereótipos que estão associados aos idosos. 


 Assim o Dia Internacional do Idoso serve para:

Dona Leda Ferraz em três gerações

- homenagear as pessoas idosas, comemorar as conquistas;

- conscientizar todas as populações sobre a importância das mudanças de atitudes para com os idosos;

- instituir reflexões acerca das necessidades dos idosos e buscar formular estratégias, políticas e práticas em todos os setores, buscando concretizar as enormes potencialidades do envelhecimento no século XXI;

- que os idosos se realizem plenamente em seus direitos, consigam envelhecer com segurança e dignidade, participando na vida econômica, política e social tendo a oportunidade de se desenvolver até nos últimos anos de vida. 

Os idosos não são uma categoria à parte, todos nós continuamos a nos desenvolver, envelhecemos dia a após dia e aos jovens cabe saber que devemos oferecer o carinho e atenção aos mais velhos. O mundo está pronto para os jovens, porque existiram outros jovens que hoje estão em outra fase da vida, a velhice. E ela uma dia nos terá. É inevitável o curso da vida.

SANEAMENTO BÁSICO UMA QUESTÃO DE SAÚDE PÚBLICA

Continua-se insistindo e persistindo nas cobranças com base em levantamentos feitos por colaboradores dos nossos informativos, retratando que os calçamentos realizados na cidade, bairros e distritos de Canaã e Jericó, pelas administrações triunfenses anteriores e atual, não deram a prioridade necessária ao saneamento básico, principalmente aquelas ocupadas por gestores vinculados à área de saúde.A ausência dessas políticas públicas baixa a qualidade de vida e aumenta os riscos de doenças de natureza hídricas(verminoses, diarreias, cólera, dengue) , porque eles evitaram construir esgotos visando economizar nos gastos já definidos pela Caixa Econômica Federal - CEF, deixando as águas com dejetos escorrerem pelos meio-fios das vias, como se estivesse dentro da normalidade.


 ESGOTOS A CÉU ABERTO EM VIAS PÚBLICAS







São muitas as vias urbanas sem coleta de esgoto adequado refletindo no meio-ambiente com verdadeiro desastre ecológico, atingindo: riachos, poços, açudes, barragens, entre outros.Muito estranho esse procedimento, principalmente quando o prefeito da cidade é médico e deveria ter maior responsabilidade com a população da cidade que representa por três vezes. Será por acaso admissível fato desabonador dessa natureza? Alguém ainda ousa defender tamanho crime ambiental? E o pior de tudo são colocações verbais indecorosas tipo, a desculpa esfarrapada: "Construir esgoto não rende votos, fica tudo enterrado e ninguém observa a obra." São contradições demais...









Estamos vivendo um período de mudanças em relação aos valores no campo social, precisamos portanto elevar o Município a um projeto que possibilite  grande meio de ajustar-se aos moldes progressivos atuais. Cabe à sociedade local como um todo, encontrar saída para não deixar as pessoas eternamente dependendo do poder político como salvação, quando ela é o verdadeiro patrão e os outros, gerentes transitórios - que ditam normas hoje, mas não amanhã - porque as coisas mudam ou se invertem quando vivemos no amplo regime democrático.

QUEM MAIS FEZ POR TRIUNFO MERECE RECONHECIMENTO: JARBAS VASCONCELOS



A MARCA DO GOVERNO JARBAS VASCONCELOS EM TRIUNFO PE

PAVIMENTAÇÃO DE RODOVIAS - 320 E 350 PE

CALÇAMENTO PARA O ACESSO AO CENTRO DE TURISMO DO SESC

 







 DOAÇÃO DO TERMINAL RODOVIÁRIO PARA CONSTRUÇÃO DO TELEFÉRICO

 

RECUPERAÇÃO DO CINE TEATRO GUARANY


FESTA DOS ESTUDANTES INCLUÍDA NO "CIRCUITO DO FRIO" 

 
 

 

INCREMENTO AO TRADICIONAL CARNAVAL DOS CARETAS

 



CONSTRUÇÃO DO PRÉDIO DO DETRAN   
                                    



 ELETRIFICAÇÃO RURAL









                          

terça-feira, 30 de setembro de 2014

O TERMINAL RODOVIARIO QUANDO SERÁ REALIZADO?

OPINIÃO PUBLICOU EM 30/09/2013 - PORTANTO, HÁ UM ANO: "TERMINAL RODOVIÁRIO OUTRA VEZ ADIADO"
     
 
 
Diante reclamações recentes destinadas à Secretaria Estadual de Transportes, recebemos respostas relativas aos necessários cuidados previstos para a restauração da PE-365 que liga Triunfo - Santa Cruz da Baixa Verde -Serra Talhada, e ao Terminal Rodoviário de Triunfo. A assessoria de imprensa afirma que  será no tempo oportuno viabilizadas a recuperação da estrada e a Empresa Pernambucana de Transportes Intermunicipais ( EPTI),vinculada à essa secretaria, informa encontrar-se estudando a reestruturação com rede de linhas viárias relacionadas  a ônibus.

Segundo a empresa, o Governo do Estado, dará início ao projeto de requalificação dos terminais, que fazem parte das ações para melhorar a qualidade do transporte coletivo intermunicipal de passageiro. A iniciativa está sendo desenvolvida por etapas. Na primeira fase, foram investidos mais de R $ 4, 5 milhões na reforma dos terminais rodoviários dos município de Afogados da Ingazeira, Agrestina, Barreiros, Canhotinho, Carpina, Catende, Custódia, Glória do Goitá, Macaparana, São Caetano, Venturosa.

Na segunda fase serão beneficiados, os terminais das cidades de : Cabrobó, Goiana, Ouricuri, Bodocó, Sertânia, Santa Maria da Boa Vista, São Bento do Una, Gameleira, Quipapá, Santa Cruz do Capibaribe. Sobre a melhoria desse último, e a construção de uma rodoviária em Toritama, a EPT, que a construção está prevista para ser iniciada neste segundo semestre do ano. Quando a Triunfo, infelizmente encontra-se até o presente momento  mais uma vez sem  definição. Apesar de termos grande necessidade.


OPINIÃO PUBLICOU EM 13/02/2014:
"LOCALIZAÇÃO INADEQUADA PARA O TERMINAL RODOVIÁRIO - CURVA COM RISCO"





EM MARÇO/2014 - FOI DIVULGADO PELA SECRETARIA DE TURISMO

Finalmente o Secretario de Turismo do Estado , Adailton Feitosa, assinou ordem de serviço para a construção do terminal rodoviário de Triunfo. Notícia esperada população usuária, tanto triunfenses, como visitantes, sendo uma obra de suma importância para o desenvolvimento turístico da cidade. Acreditamos!!!

E AGORA, O TERMINAL RODOVIÁRIO  QUANDO SERÁ REALIZADO? 

NOSSOS LEITORES PELO MUNDO!